Dani Vieira, usa de novas linguagens visuais para expressar arte e amor

Dani Vieira, usa de novas linguagens visuais para expressar arte e amor
Foto por Nayara Ruiz

A quarentena trouxe uma nova linguagem para conteúdos audiovisuais, com as plataformas sociais estimulando a criatividade e incentivando produções por meio dos smartphones. Atenta a essa tendência, a artista baiana radicada em São Paulo, Dani Vieira, apresenta “Vendaval”, o primeiro single que lança em 2021.

Gravado na vertical e pelo celular da artista, o clipe tem um clima caseiro e traz situações que embalam o amor de Dani e de sua companheira, Nayara Ruiz, que faz participação no vídeo. Com uma bela iluminação, o clipe foi ambientado em um apartamento no Guarujá, litoral sul de São Paulo.

“Gravamos no apartamento da tia de Nayara que gentilmente nos cedeu o espaço. Esse é um lugar que frequentamos de tempos em tempos quando precisamos de um respiro. O cenário contribui com a mensagem que a música traz, com o coqueiro em frente à janela e o movimento que ele manifesta quando é tocado pelo vento”, conta Dani.

Não é por acaso que a artista cita o ar. A música começa justamente com ela cantando: “Feita de ar (…) Eu sou feita de ar, de encher e esvaziar, eu jogo o jogo. Sussurro é vendaval, me tira do eixo, me pega de jeito, num sopro. Você me venta, balança amor, balança amor, balança”.

A letra de “Vendaval” começou a ser esboçada quando Dani Vieira, que é geminiana, listou alguns fenômenos associados ao ar (elemento que corresponde a seu signo) e traçou paralelos com a sua personalidade. A ideia tomou forma no momento em que a cantora relacionou essas características à sua forma de amar. 

“A maneira como vivo e sou traz exatamente a similaridade das possibilidades do ar. Vou de uma brisa muito leve a uma tormenta tão grande quanto a de um vendaval. A música se materializa nessa brincadeira com os fenômenos relacionados ao ar e durante o processo de juntar palavras e construir frases, chega a associação ao amor. O que eu queria falar era sobre as múltiplas características do ar. Isso foi se traduzindo em situações que podem acontecer quando amamos e nos relacionamos com alguém” , revela Dani.

Por isso, não havia pessoa melhor para estar ao lado dela neste clipe que sua companheira, Nayara, com quem divide a vida e um apartamento em São Paulo há 2 anos. De maneira leve, Dani Vieira mostra uma relação cheia de amor e admiração mútua.

O clipe foi roteirizado, dirigido e editado pela própria artista, que contou com a participação e produção de Nayara Ruiz. Já a música é uma dobradinha com o produtor Iuri Rio Branco, que fez produção, arranjo, gravação, mixagem e masterização e entra nos créditos como compositor da música junto a Dani Vieira.

Em comum, clipe e música trazem a oportunidade de novas formas de criação, de expressões não convencionais, ao surgirem como possibilidades que talvez Dani não enxergasse em outro momento. O single você pode ouvir aqui e o videoclipe abaixo 😉

Mais sobre Dani Vieira

Baiana de Salvador, Dani Vieira é cantora, compositora, instrumentista e produtora musical. Hoje morando em São Paulo, a artista investe na carreira solo desde 2019, ano em que saiu seu primeiro single, Camadas”, em parceria com a amiga Larissa Luz. Depois disso, veio do EP “Ascender” (2019), que tem produção de Bruno Marques (beats e samples) e guitarras de Rafa Moraes. O EP abriu caminhos para a artista tocar em casas importantes como a Fauhaus, em São Paulo, e no Festival Bananada (2019), em Goiânia.

Redação

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: