Laísa Gabriela mostra o valor que uma boa assessoria gera para artistas

Laísa Gabriela mostra o valor que uma boa assessoria gera para artistas

Todos sabemos da importância de se ter uma boa assessoria de imprensa, na vida de um artista. E por isso, “fui” lá em Salvador (BA) e convidei a querida Laísa Gabriela, para dividir conosco sua expertise nesta área.

Atualmente, mãe de Ayana em tempo integral haha… E, nos intervalos, Laísa Gabriela atua como jornalista, assessora de imprensa do niLL e produtora de conteúdo voltado à artistas independentes.

Laísa Gabriela Assessoria
Laísa Gabriela

Feitos De Música > De que ritmo (s) você é feita?

Laísa Gabriela > Cresci ouvindo rock, rap, samba e MPB, influenciada pelos meus pais. Incrível que, perdi meu pai faltando um mês para fazer cinco anos e as únicas lembranças que tenho relacionadas a ele, são as fitas do Megadeth, LPs do Paralamas do Sucesso, Raul Seixas, entre outros.

Não consigo lembrar do rosto do meu pai, mas lembro perfeitamente dele trocando as músicas, acho que foi algo que marcou. Pelo lado de minha mãe, muito MPB e samba, de Belchior a Zeca Pagodinho, Alcione, Djavan. Já o rap, me aproximei entre os 11/12 anos de idade, quando também descobri o new metal, era sensação em 2001.

> Como a música entrou em sua vida, te levando a atuar com ela de forma mais profissional? 

Já a minha atuação na música, se deu muitos anos depois, quando ainda auxiliava alguns amigos na divulgação de seus trabalhos, inicialmente, trabalhando com a galera do rock. O trabalho com rap, iniciei há quase cinco anos, totalmente por acaso e insistência de um dos meus melhores amigos, Hebert Amorim.

Amava rap, mas não queria conciliar com a minha vida profissional. Mas, no fim das contas, o rap mudou toda a minha vida. Me deu o que tenho de mais importante, minha filha, bons amigos, muitos trabalhos. Só agradeço e faço meus corres para retribuir ao rap tudo o que ele fez por mim na mesma proporção“, revela Laísa Gabriela.

Feitos De Música > Influências (de artistas que você admira e que exercem influências em seu trabalho como executiva, empreendedora e na vida pessoal)

Laísa Gabriela > As minhas maiores referências e admirações são os meus amigos artistas. Nouve, com todo seu esforço, chegou em locais que nem imaginava, criou estratégias para atingir o coração e a mente das pessoas e conseguiu. Heverton Didoné, músico, percussionista, Raí Faustino, Francini Ramos, André Deds, Nerie Bento, Yasmim Bianco, Helen Fernandes… são tantos. Levo todas as nossas trocas como aprendizado pra vida, em todas as áreas.

Feitos De Música > Você atua na área de assessoria de imprensa, direcionada ao universo musical. O que te motivou a atuar nesta área e a trabalhar especificamente com Rappers / MCs?

Laísa Gabriela > Foi totalmente por acaso, no rap, iniciei assessorando Áurea Semiseria e Baco Exu do Blues, lancei Roxo GG e Esú. Com o sucesso no trabalho de ambos, foram vindo outros clientes como Gxlden, Florence, Menestrel, niLL, Castaña, Rômulo Boca, entre outros. E hoje tenho certeza que é a área que irei permanecer. Tenho a felicidade de escolher quem são as pessoas que posso trabalhar.

Feitos De Música > Aqui no blog, no quadro “Novos Singles” eu divulgo lançamentos e também novos artistas. E tenho sempre a curiosidade de olhar o perfil dos artistas nas plataformas digitais, mas chegando lá, muitas das vezes está em branco. Em sua opinião, o que não pode faltar?

Laísa Gabriela > Acho que muitos artistas também não tem conhecimento do uso de ferramentas como o Spotify para artistas e quando têm, não lembram de colocar as informações necessárias na bio. Não pode faltar os feitos mais importantes, as redes sociais, contato profissional. Tem que ser objetivo. Não precisa fazer um texto imenso, é uma pequena apresentação, um convite a fazer quem está lendo a se interessar pelo trabalho. 

Feitos De Música > Para o artista que ainda não tem condições de contratar uma assessoria. O que deve ser levado em consideração para se apresentar a um veículo de comunicação?

Laísa Gabriela > Se for contatar a mídia para divulgação de lançamentos, é essencial que saiba se portar como profissional, ter uma boa abordagem, enviar um release sobre o material que será lançado, boas fotos.

O google está aí, se não tem condição neste momento, pesquisa: como fazer um bom release e se joga! 

Feitos De Música > Quais os principais ‘facilidades’ e ‘desafios’ para um artista divulgar seu som os dias de hoje?

Laísa Gabriela > Sabemos que para a maioria dos artistas independentes é quase impossível ter algum tipo de facilidade. As mídias de rap tem tentado facilitar o diálogo, inclusive, para dar um suporte maior. Um dos maiores desafios, no rap, especificamente, é que muitos não levam a arte para o lado profissional e acabam se prejudicando. Conheço caso de gente que perdeu oportunidade por não verificar o e-mail diariamente, por exemplo. Pesquisem, estudem, façam um mapeamento do próprio trabalho e aproveitem as oportunidades que chegam.

A facilidade que muitos possuem gratuitamente é o uso das redes sociais, no entanto, a dificuldade maior é saber criar uma estratégia para obter um bom alcance.

Feitos De Música > Como tem sido a recepção do seu trabalho na vida destes novos artistas e também de profissionais que buscam se especializar nesta área para ter uma comunicação mais assertiva com seu público? Você tem essa percepção?

Laísa Gabriela > Dos feedbacks que recebi, todos foram bem positivos. Busco sempre fazer uma troca, não faço nenhum trabalho que seja sempre eu “me doando”. Me entrego no que faço, mas, geralmente, aprendo muito da vida com as pessoas que me associo profissionalmente ou não.

Feitos De Música > Seu workshop “Aprenda a divulgar sua música” está sendo bem avaliado nas redes sociais. Como foi a idealização deste? Teremos em breve uma nova edição?

Laísa Gabriela > A ideia do workshop surgiu a partir da necessidade de me manter ativa, difundir ainda mais o que sei e pagar as contas haha. Porque, compartilhar conteúdos para artistas independentes, sempre fiz gratuitamente e tenho ajudado muitas pessoas.

Mas após incentivo de uma amiga, decidi que poderia ajudar ainda mais pessoas, mantendo o meu profissionalismo. O primeiro foi um sucesso, no dia seguinte, lançamos a segunda edição, que será realizada nos dias 29 e 30 de agosto. O investimento é de R$ 60,00 e liberamos cinco vagas para bolsista. Para se inscrever, basta clicar no link abaixo.

https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSfyfjG_EGirhkNtwDgdCUNWmz-Cn8s3EFkwLnSaQMMuYQ09yA/viewform 

Feitos De Música > Como tem feito para conciliar família e carreira? Ayana tem reclamado muito dos corres da mãe ou por enquanto ela ainda não ta reclamando rs?

Laísa Gabriela > É muito, muito difícil. Somos apenas eu e ela. Felizmente, tenho muito suporte da minha família quando preciso, moramos no mesmo bairro, bem pertinho, coisa de cinco minutos de distância. Ayana reclama sempre haha, é difícil trabalhar porque ela sempre quer colo. Agora mesmo, respondendo essa entrevista, ela está sentada em meu colo.

Quando não estou no computador tentando trabalhar, estou brincando com ela. Eu amo, mas a rotina é bem exaustiva. Ninguém imagina que a vida da mãe solo, é acordar às 07h da manhã, após ter ido dormir às 2h, 3h da manhã. Tenho tentado fazer o meu melhor para que futuramente ela se orgulhe de mim. 

Uau! Que aula! Obrigado mais uma vez Laís. Muito axé para você!

Eu sempre fico feliz de encontrar pessoas que estão dispostas a trocar, compartilhar sua trajetória e, ao mesmo tempo, trazer luz para as pessoas que estão precisando de direcionamento para otimizar seu trabalho musical.

Então, se você é artista, ou conhece alguém que precise aprender um pouco mais sobre assessoria de imprensa, basta clicar aqui , e entrar em contato com a Laísa Gabriela, que será só alegria.

Caso você ainda não segue o blog Feitos De Música no Instagram, clique aqui e fique por dentro de tudo que está acontecendo relacionado ao universo musical.

Abração,

Cristiano De Jesus


Cristiano De Jesus

Eu, comunicador e sonhador, filho da Dona Rosa e do Sr. João que, enquanto admira às belezas da vida, ouve boas histórias e muitas músicas para criar sua própria trilha sonora.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: